sábado, 12 de fevereiro de 2011

Ouvindo a voz do Espírito Santo.



           Hoje, como a maioria dos dias, acordei e fui buscar a presença de Deus, confessar meus pecados, agradecer pelo dia, pela vida, por tudo que Ele tem nos dado, interceder por pessoas amadas e como todo filho mimado pedir, pedir por saúde, pelo emprego, para que eu de testemunho, para que, com a ajuda do Santo Espírito Santo de Deus, Ele me capacite, me torne apto a ser chamado seu filho. Após pedir para que Ele fale comigo abri a bíblia em duas passagens uma em Oséias 6 e a outra em Atos 9.
            Fala sobre a nossa busca que é pequena e breve (Oséias 6:4):

“Porque o vosso amor é como a nuvem da manhã e como o orvalho da madrugada, que cedo passa”.


E como me senti envergonhado em buscar a Deus somente por 20 a 30 minutos no período da manhã e depois na noitinha, após assistir todos os jornais (SBT, Globo e Cultura) tento ouvir uma mensagem de mais 20 ou 30 minutos [www.diaadiacomdeus.com.br]. Mas na maioria das vezes fico cochilando e não consigo ir até o final. Há algum tempo tenho ouvido a voz do Espírito Santo dizendo que devo buscar mais a presença de Deus, mas... Sempre a preguiça ou outros afazeres tiveram prioridades em minha vida.
Fico a pensar... senão tenho forças para ouvir um simples pedido, parar e buscar mais a presença de Deus, quanto mais quando um dia Ele falar comigo da forma que falou a Ananias [Atos 9]. Através de uma visão, Deus disse que Ananias deveria ir até Saulo (Paulo), o grande perseguidor dos Cristãos daquela época, o mesmo que estava lá vendo o apedrejamento de Estevão (Atos 7:54-60 / 8:1-2). Ananias tenta até argumentar (Atos 9:13-14):

“Senhor, de muitos tenho ouvido a respeito desse homem, quantos males tem feito aos teus santos em Jerusalém; e para aqui trouxe autorização dos principais sacerdotes para prender a todos os que invocam o tem nome.”

            Mas o Senhor respondeu (Atos 9:15-16):

“Vai, porque este é para mim um instrumento escolhido para levar o meu nome perante os gentios e reis, bem como perante os filhos de Israel; pois Eu lhe mostrarei quanto lhe importa sofrer pelo meu nome.”

Acredito que eu não teria coragem não... Mesmo sabendo que nesse momento Saulo (Paulo) já estava convertido, pois, Jesus já havia aparecido para ele (Atos 9:4-9). Ananias foi obediente e foi até Saulo (Paulo), impôs a mãos sobre ele, orou, ele foi curado, pois, estava cego, foi cheio do Espírito Santo e batizado. E depois foi pregar nas sinagogas e de perseguidor passou a perseguido. Depois de muito tempo Paulo saiu de Damasco e foi para Jerusalém tentou se juntar aos discípulos, mas ninguém acreditava em sua conversão até que Barnabé o “pegou pelo braço” e levou até os discípulos onde Paulo pode testemunhar tudo o que havia acontecido em sua vida.
Confesso novamente que não teria coragem de levá-lo até a igreja, as escrituras não falam, mas com certeza Barnabé também ouviu a voz do Espírito Santo e levou Paulo até a igreja. E no versículo 31 podemos ver o que acontecia com a Igreja:

“A igreja, na verdade, tinha paz por toda a Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se e caminhando no temor do Senhor, e, no conforto do Espírito Santo, crescia em número.”

Aí fica a pergunta, em especial para mim: Tenho ouvido a voz do Espírito Santo? Quero ouvir a voz dele e fazer a vontade do Pai?
Creio que por atitudes iguais a minha, de não ouvir a voz do Espírito Santo falando que devo buscar ainda mais a Deus, é que ainda não presenciamos uma igreja como a que lemos em Atos.

Em Cristo,
Vitor Hugo.


Um comentário:

  1. Oi Vitor, obrigada, é só o que posso te falar, obrigada por seu testemunho.Estou lendo hoje dia 25/07/2013 as 11:35 hrs, mas é como se você tivesse escrito isto para mim neste exato momento, pois eu tinha a necessidade ouvir isto, obrigada.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...